Sociedade

Câmara de Gaia deu início a sessões participativas da campanha «Faça Você Mesmo»

Reutilização incentiva à economia doméstica e pública

O ritmo a que deixamos de dar uso aos objetos é, muitas vezes, anterior ao final do seu ciclo de vida e está baseado em padrões de consumo de “usar e deitar fora”, com os inerentes impactos negativos a nível económico, social e ambiental. Para dar resposta a esta problemática, sensibilizando para a necessidade de alteração de estilos de vida insustentáveis, a Câmara Municipal de Gaia, juntamente com as juntas de freguesia, numa parceria com a empresa SUMA, deu início a sessões participativas da campanha «Faça Você Mesmo».
Com formato de tertúlias temáticas, dirigidas a utentes de centros de dia, associações de solidariedade social, centros sociais, academias seniores do Município e alunos, estas sessões têm como objetivo destacar os benefícios da criação de novos objetos a partir de resíduos, nomeadamente na economia doméstica e contenção de gastos familiares (maior reaproveitamento pode significar menos aquisições de produtos novos), na diminuição da extração de matérias-primas e proteção ambiental e na redução dos gastos públicos na gestão dos resíduos, que permite a canalização dos recursos públicos para outros setores, como a educação ou a saúde.
Esta ação permite, ainda, o reforço dos laços intergeracionais, uma vez que, após estas sessões, dar-se-á início a um trabalho conjunto de criação de objetos utilitários que terá lugar até ao final de junho de 2020, potenciando a troca de experiências e conhecimentos.
Como ponto de partida são entregues suportes funcionais, como livros de bolso (com sugestões de objetos de arrumação, decoração, têxteis, móveis e utilitários feitos a partir de resíduos) e kits de desperdício (para projetos de recuperação de excedentes têxteis).
O recurso a jogos estimuladores da criatividade para as práticas da reutilização e recuperação de objetos, a abertura para partilha, por parte dos participantes, de outras formas de reutilização de materiais residuais e a disponibilização do livro «Faça Você Mesmo» (na versão física e online, na plataforma Edições SUMA, em https://www.suma.pt/edicoessuma/) são garante de uma ampla discussão sobre o tema e da interiorização de um modelo de cidadania ativa, com repercussões económicas efetivas.

Foto: DR

 

 

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close