Cultura

Festival dos Canais decorre entre 17 e 21 de julho na cidade de Aveiro

Mais de 250 espetáculos de rua, de acesso livre

“Eco-Logias Artísticas nos Canais” é o nome da exposição que o Festival dos Canais tem patente de 17 a 21 de julho no edifício da antiga Capitania do Porto de Aveiro e que convida o público a provar e a testar as obras de arte em exibição. Integrada na programação do evento, que animará a cidade de Aveiro, entre 17 a 21 de julho, a exposição com curadoria de Madina Ziganshina, artista natural da Tartária a residir em Aveiro, promete muitas surpresas estimulando a interatividade e o palato dos seus visitantes.
A exposição reúne trabalhos de 12 autores de diferentes nacionalidades, abordando sempre temas relacionados com a Ecologia e procurando narrativas estéticas que desafiem os visitantes a provar elementos das obras expostas, a levá-los para casa ou a manipular conteúdos no próprio local. Pinturas com vinho ou instalações com ovos moles realizadas ao vivo são apenas algumas das probabilidades que podem ser apreciadas e provadas nesta exposição. Há ainda instalações que dialogam com a identidade local, nomeadamente com o património, as tradições e a Ria de Aveiro.
Para além de “Eco-Logias Artísticas nos Canais”, o Festival dos Canais convida a visitar, no Jardim do Rossio, a exposição “Terra de Sonhos. Cristina García Rodero”, uma exposição fotográfica, já em exibição, que reflete a vida quotidiana dos habitantes de Anantapur, no Estado de Andhra Pradesh, uma das zonas mais pobres da Índia, onde vivem as comunidades mais desfavorecidas e vulneráveis do país. A exposição faz parte do programa “Arte na Rua” , através do qual o BPI e a Fundação “la Caixa” pretende aproximar a arte às pessoas, fora do contexto habitual dos museus e das salas de exposições.
Ambas as exposições são de visita livre.

Festival dos Canais 2019

Recorde-se que a 4ª edição do Festival dos Canais, organizado pela Câmara Municipal de Aveiro (CMA), através da sua estrutura do Teatro Aveirense, apresenta entre 17 a 21 de julho  mais de 251 espetáculos, que envolverão 32 companhias artísticas e cerca de 277 artistas nacionais e internacionais, provenientes de 16 países, a que se juntam 220 participantes da comunidade. A edição deste ano reserva 15 estreias nacionais e quatro premières absolutas, numa programação artística e cultural que aposta também em artistas e companhias consagrados como Gilberto Gil, Mariza, HMB , Capicua e a Companhia Walk The Plank.
Serão cinco dias de propostas culturais, desportivas e de lazer de acesso totalmente livre, que decorrerão nos canais, nas praças e nos espaços públicos da cidade com atividades e propostas interativas, dedicadas a todas as idades. Artes e o teatro de rua,concertos, instalações artísticas, performances, workshops, atividades desportivas e de lazer, oficinas criativas, mercados de rua e Dj’s são algumas das sugestões que integram a quarta edição do evento.
Pensado para todas as idades, o Festival dos Canais apresenta também muitas ações direcionadas para o público infantil e familiar, convidando-os a explorar, manipular, criar, intervir e participar de forma ativa.
A cidade de Aveiro será assim durante cinco dias um palco privilegiado de animação, onde os canais da ria de Aveiro serão o epicentro por excelência de um programa multidisciplinar que cruza diferentes manifestações artísticas, culturais, desportivas, naúticas e de lazer. É um evento onde todas as iniciativas são gratuitas e que convida a sentir a Cidade de Aveiro, a celebrar o seu presente, a valorizar a sua forte identidade, o seu património natural e a sua paisagem urbana única.

Foto: DR

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close