Opinião

A farmácia da Natureza

Os produtos naturais são elementos oferecidos diretamente pela natureza ou fabricados por seres vivos que possuem propriedades químicas e fisiológicas com capacidades curativas e promotoras de bem-estar. São também a base do fabrico de inúmeros medicamentos e de outras substâncias terapêuticas.
Realizando uma viagem no tempo e na história verificamos que o uso dos produtos naturais remonta a eras pré-históricas onde eram utilizados para curar feridas, doenças. Ao mesmo tempo eram utilizadas em poções (consideradas por muitos como mágicas) e foram o objeto de estudo de inúmeros alquimistas.
Quem não se lembra das mezinhas (desde chás, loções, etc.) dos nossos antepassados que curavam todas as “maleitas”?
Com o aprofundar do conhecimento e o desenvolvimento científico estes produtos foram estudados exaustivamente (estudos que ainda hoje se mantém ativos) e foram catalogados consoante as suas propriedades, os seus efeitos, os grupos a que pertenciam.
A indústria farmacêutica, originada do desenvolvimento da ciência e tecnologia, baseou-se nestes estudos e começou a sintetizar esses produtos usando-os como a base de fabrico de medicamentos aos quais adiciona outros produtos sintéticos com propriedades farmacológicas.
Há imensas tipologias de produtos naturais consoante o grupo a que pertencem, os seus efeitos e propriedades, podendo destacar entre eles os chás de ervas, os frutos, os legumes, os substratos, as bagas, as plantas. Convém reiterar a ideia de que o consumo destes produtos não é exclusivo a nenhum tipo de dieta existente, sendo consumidos de uma forma global.
O chá, essencialmente constituído por ervas, frutos e raízes, é um dos produtos mais consumido pelas populações, sendo que se atribui um maior poder terapêutico àqueles que são colhidos diretamente da natureza, sem qualquer processamento fabril. São utilizados para minimizar os sintomas de diversas doenças do foro respiratório, circulatório, digestivo, mental. Os chás podem ser encontrados em diversas lojas de produtos naturais, ervanárias e na natureza (com colheita direta.
Os frutos, mais conhecidos pelas suas propriedades vitamínicas, enzimáticas e fatores antioxidantes e são consumidos na sua forma natural, em sumos ou sintetizados em forma de xaropes, comprimidos. Um dos grupos mais referenciados nos estudos científicos, é o dos frutos vermelhos, pela capacidade antioxidante (propriedade fundamental, por exemplo, na prevenção do cancro).
Os legumes utilizados na nossa dieta são também outro grupo de produtos naturais ricos em vitaminas, fibras, proteínas vegetais que promovem o bom funcionamento orgânico e previnem algumas doenças quando consumidos regularmente e moderadamente. Existem também na sua forma natural e sintetizados em xaropes, comprimidos, cápsulas entre outras formas.
Além da alimentação há outros produtos naturais que são utilizados por exemplo na área da cosmética, estética e até servem de base a produtos de lavagem de roupa. Um dos produtos sobejamente conhecido é o Aloé Vera, que é um cato com propriedades cicatrizantes, purificantes entre outras e é utilizado em alimentos, medicamentos, produtos de beleza entre outros.
Apesar do poder que estes produtos naturais possuem e de realçar a importância do seu uso na vida quotidiana é preciso alertar que o seu consumo deve ser realizado com equilíbrio e moderação, pois algumas das suas propriedades terapêuticas, em caso de sobredosagem, podem originar algumas doenças orgânicas.
Outro alerta recente resulta de estudos científicos que descobriram que alguns produtos naturais sofrem alterações das suas propriedades terapêuticas, podendo tornar-se maléficos, pela interação com o padrão alimentar de cada população. Ou seja, o efeito destes produtos no Oriente, por exemplo, é diferente do Ocidente pelas diferenças alimentares e de metabolização de cada população.
A natureza é uma farmácia natural e como foi referido anteriormente coloca à nossa disposição inúmeros produtos com propriedades terapêuticas e farmacológicas que usados como complemento de uma alimentação equilibrada, de exercício físico regular, constituem um aliado para a nossa saúde.

Ricardo Fonseca

 

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ver também

Close
Close