Breves

TNSJ: clássico de Alfred de Musset em estreia nacional “fora de portas”

Em cena de 23 de outubro a 14 de novembro

Lorenzaccio, de Alfred de Musset (1834), é apresentado pela primeira vez em Portugal, numa coprodução do Teatro do Bolhão e do Teatro Nacional São João (TNSJ). A peça – tida como “irrepresentável ou encenada em versões amputadas” – conta com a encenação de Rogério de Carvalho e com tradução e dramaturgia de Alexandra Moreira da Silva. O espetáculo estará em cena entre 23 de outubro e 14 de novembro, no Palácio do Bolhão, indo ao encontro da estratégia de descentralização do TNSJ reforçada em ano de Centenário.
Contada a partir de relatos de Florença, do século XVI, o texto – considerado uma obra crucial do drama romântico francês – é uma sátira à fácil corrupção dos valores humanos perante o desejo de poder. O protagonista deste drama é Lorenzo – mais conhecido pelo nome depreciativo “Lorenzaccio” –, um jovem inquieto que acaba por assassinar o seu primo, Alessandro de’ Medici, a representação do vício, da degradação moral e da corrupção. O texto aborda uma comunidade humana impotente face ao desmoronamento do poder e à sua capacidade de dissimulação. Um retrato do nosso tempo?
O espetáculo pode ser visto às quartas e quintas-feiras, às 19h00; às sextas-feiras e sábados, às 21h30; e aos domingos às 16h00. No dia 25 de outubro, está agendada uma conversa pós-espetáculo. Já no dia 1 de novembro, a sessão conta com interpretação em Língua Gestual Portuguesa. O preço dos bilhetes é de 10 euros.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close