Cultura

Feira: Concerto de Verão da Orquestra de Jovens reúne 53 músicos na Igreja de S. João de Ver

O Concerto de Verão da Orquestra Sinfónica de Jovens de Santa Maria da Feira, agendado para 25 de junho, às 21h00, terá como palco a Igreja Paroquial de S. João de Ver, obra do arquiteto Fernando Távora. Dirigido pelo maestro Paulo Martins, o espetáculo assinala os 100 anos da morte do compositor francês Camile Saint-Saëns com a interpretação da grandiosa “Organ Symphony” por 53 jovens músicos. O acesso é gratuito, mas sujeito a confirmação de presença.
A Orquestra Sinfónica de Jovens pretende que esta edição do Concerto de Verão seja um momento de viragem e sobretudo de esperança para a cultura, em particular para a música, depois de conturbados tempos de pandemia. Embora ainda condicionada, a retoma da atividade cultural será celebrada com música, também ela marcante e memorável, prestando homenagem ao grande compositor francês Camile Saint-Saëns numa altura em que se assinala o primeiro centenário da sua morte. A obra de fundo deste concerto será a grandiosa Sinfonia nº3, mais conhecida como “Organ Symphony”.
Apesar de ser considerado conservador para a época, nesta obra o compositor francês revela uma estrutura e instrumentação completamente fora do habitual, onde o órgão tem um papel de relevo, tornando-a tão particular quanto magnífica.
O programa do concerto inicia com a obra “Pavane”, de Gabriel Fauré, um dos mais célebres discípulos de Saint-Saëns, e inclui uma participação do violoncelista Tiago Azevedo Silva, laureado do concurso “Paços Premium”, que terá a oportunidade de se apresentar a solo, interpretando “As variações sobre um tema rococó” de Tchaikovsky.
O Concerto de Verão é organizado pela Orquestra Sinfónica de Jovens e Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, em parceria com a Paróquia de São João de Ver e “Paços Premium”, contando com o patrocínio da DGArtes/Ministério da Cultura.
O acesso a este espetáculo é gratuito, mas a lotação é limitada, pelo que está sujeito a confirmação de presença, até 23 de junho, através do email , bem como ao uso obrigatório de máscara.
A Orquestra e Banda Sinfónica de Jovens de Santa Maria da Feira, que este ano comemora um quarto de século de atividade, cumpre objetivos de índole social, pedagógica e didática, proporcionando o convívio saudável e a partilha de experiências a todos os jovens executantes que, numa fase determinante da sua formação, têm a oportunidade de integrar um projeto musical que poderá marcar definitivamente a sua carreira profissional, despertando-lhes o gosto por uma arte que, de outra forma, poderia não se manifestar.
A atuação em vários pontos do concelho e do país, mas também no estrangeiro, permite o contacto dos músicos com nichos populacionais que, de outro modo, não teriam acesso a este tipo de espetáculos, assumindo assim um papel de grande relevo cultural.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close