GaleriaNotíciasVideos

«Gisberta» chega dia 30 ao Teatro Municipal Rivoli

A actriz Rita Ribeiro está de regresso à cidade do Porto para interpretar a mãe da transexual Gisberta que, em 2006, no Porto, foi vítima da violência de 14 jovens de uma instituição católica.
Gisberta sofreu o preconceito de uma sociedade que não a aceitou e acabou por ser morta após três dias consecutivos de uma violência física e moral sem precedentes em Portugal. Rita Ribeiro, que percorre o país com este monólogo, refere que sempre pensou trazer este espectáculo para a Invicta, pois foi aqui que tudo aconteceu.

Confessa que avançou com medo e entusiasmo ao mesmo tempo, mas apaixonou-se de imediato pelo texto. Garante tratar-se de um trabalho denso, que obriga a actriz a encontrar em locais escondidos as suas emoções. Esta peça fala da Gisberta, mas, segundo a actriz, vai muito além, pois trata-se de uma história que não deixa indiferente quem assiste. Este é o primeiro monólogo da actriz ao fim de 40 anos de profissão.

Ao fim destes anos, refere que dedicou muito da sua vida ao teatro e menos à sua vida privada, mas garante que sempre sentiu o carinho do público e não esconde a paixão de voltar ao teatro de revista.
Rita Ribeiro, mãe, avó e bisavó interpretará a mãe de Gisberta, que estará em cena no Teatro Rivoli, na cidade do Porto, de 30 de Janeiro a 16 de Fevereiro de 2014.

Este espectáculo, que foi levado à cena durante o mês de Maio, em Lisboa, numa versão com a duração de 15 minutos, obedecendo o conceito das peças apresentadas no Teatro Rápido. Devido ao grande sucesso alcançado, com recorde absoluto de público naquele teatro, o espectáculo ganha uma nova versão, agora com 50 minutos, que se estreou no mês de Outubro na Madeira e segue em digressão por todo o país.

Foto: Inês Torres da Silva

Tags
Show More

Related Articles

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close