Notícias

Cabeçudos e gigantones estrearam-se no Festival Internacional da Máscara Ibérica

Este fim-de-semana, os gigantones e cabeçudos de Viana do Castelo fizeram a sua estreia no Festival Internacional da Máscara Ibérica. O XIII Festival Internacional aconteceu no Jardim da Praça do Império, em Belém, juntando caretos, mascarados e grupos de música.
Viana do Castelo enviou, para o evento, 4 gigantones e 6 cabeçudos, elementos de destaque da Romaria em Honra de Nossa Senhora da Agonia, tendo as figuras sido acompanhadas por 10 músicos do grupo Os Amigos D’Areia, da freguesia de Darque.
Durante os quatros dias do festival, foram apresentadas tradições ancestrais através de uma programação variada que aliou 30 grupos de máscaras, centenas de participantes, gastronomia, artesanato e concertos.
Recorde-se que a Romaria em Honra de Nossa Senhora da Agonia acontece de 17 a 20 de agosto de 2018. Ao longo dos dias da festa, os gigantones e cabeçudos apresentam-se aos vianenses e visitantes em diversos momentos, acompanhados pelos grupos de bombos e Zés Pereiras. Na rainha das romarias, sempre ao meio-dia, doze morteiros misturam-se com este ribombar característico, dando início a um dos quadros da Romaria d’Agonia que atrai cada vez mais admiradores: a Revista de “Gigantones e Cabeçudos”. A revista chega a juntar mais de 200 tocadores de bombos e duas dezenas de figuras na Praça da República.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close