GaleriaNotíciasSociedade

APT prepara consoada para os sem-abrigo do Porto

No dia 18 de dezembro, 120 sem-abrigo portuenses vão poder tomar uma refeição quente e celebrar o seu jantar de Natal e conviver. A iniciativa é organizada pela APT-Ajuda Para Todos, ou melhor, por cerca de 25 amigos (voluntários) que todas as sextas feiras se concentram junto da câmara municipal do Porto para levar uma refeição a quem não a tem e provavelmente até dorme na rua.

Susy Freire, uma das mentoras da iniciativa e da APT, faz voluntariado há vários anos. “Sempre me conheci com o gosto de ajudar. Fiz parte de várias associações, mas nem sempre concordava com aquilo que era feito e a forma como as coisas eram conduzidas e decidi sair”. E é nessa altura que nasce a APT. “Não somos nenhuma associação, somos um grupo de amigos, trabalhamos juntos por esta causa (ajudar), pedimos ajuda aos nossos amigos, nós também ajudamos e já cá andamos há mais de um ano”, frisa.

A consoada vai realizar-se no 4.º piso do Silo Auto, localizado em pleno centro do Porto, que é utilizado essencialmente como parque de estacionamento e que, nesse dia vai ,conhecer um movimento desusado.
Esta será a primeira consoada organizada pelos amigos da APT e, por isso, o desafio é grande e ainda muitas surpresas. Além das pessoas inscritas “estamos a contar sempre com mais”, e nestas coisas “quem vier será bem-vindo”, uma vez que “a pobreza e a solidão podem ter diversas causas”, e quem ali está não faz perguntas “ajuda”, lembra.

Apesar das refeições dadas semanalmente a cerca de 100 pessoas, Susy Freire explica também que o Natal é especial, “é o nosso primeiro com estas pessoas e está praticamente tudo pronto para uma grande ceia tradicional, com bacalhau, rabanadas, bolo-rei” e, principalmente, “muitos sorrisos e acreditar que amanhã vai ser melhor”, afirmou .

A APT reconhece a importância do trabalho e esforço diário destes “amigos” e enaltece ainda a colaboração de muitas pessoas que, de uma ou de outra forma, “tem vindo a colaborar nesta nossa vontade de oferecer uma refeição a quem não a tem”, concluiu.

Texto: António Gomes Costa
Foto: DR

Tags
Show More

Related Articles

3 Comments

  1. Parabéns a todos. Já fiz voluntariado e sem que sem sempre fazemos lá aquilo que está certo e que é de nossa vontade. Independência, livres,ajudas e muito amor por aquilo que sentimos…isso mesmo… Parabéns APT…nao vos conhecia. que sejam amigos…SEMPRE.
    Miguel, Rio Tinto

  2. pois eu venho por este meio tentar perceber a atitude de uma colega vossa que teve
    comigo
    pois eu tenho mesmo a certeza que nunca disse um palavrão desses , como no dia 10 de marco a dita senhora disse que eu disse e que não levava nada dali
    pois minha cara senhora fique a saber que muitas vez eu vou as carrinhas por destração e não por necessidade
    eu foi um senhor ate 5 de marco as 4 amanha um acidente de carro me deixou revoltado sem uma perna farto de sofrer e ser descriminado por pessoas de ma informação
    por isso eu no dia 10 de marco de 2017 foi descriminado por pessoas que dizem que ajudam todos mas fiquem a saber só Deus e´que mete e da castigos e eu ainda vou ver muita gente a pagar por os actos que fazem sem mais assunto eu aproveito para pedir desculpas por alguma vez ter falhado e fico a espera de uma resposta se eu digno a mercer cumprimento meus

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close