Breves

“A OLI vai inspirar outras empresas a contarem as suas histórias

No âmbito do seu 65º aniversário, a OLI apresentou publicamente o livro “A nossa História”, editado pela AD communication, que revela os principais momentos da empresa fundada em 1954, em Aveiro, pelos irmãos Saul e António Oliveira, com a atividade de compra e venda de artigos de fundição e outros materiais.
A apresentação da obra esteve a cargo de Júlio Pedrosa, antigo reitor da Universidade de Aveiro, e contou com a participação do Presidente da OLI, António Oliveira, e do administrador, Rui Oliveira.
“A OLI, com esta obra, vai, espero eu, estimular outras empresas nascidas e criadas na Região de Aveiro, a contarem-nos as suas histórias de vida. Portugal e os Portugueses ganharão muito se tal vier a acontecer”, começou por referir Júlio Pedrosa.
“Este livro revela-nos, ainda, como foi possível chegar aqui atravessando períodos bem difíceis da história deste nosso País, da Europa e do Mundo. Condicionamento Industrial, impacto da adesão à EFTA, Banco Mundial. FMI. A adesão à Comunidade Económica Europeia, ao lado de crises económicas e financeiras diversas estão contadas e associadas a processos de mudança muito profundos na caminhada da empresa. A capacidade de mudar e de se ajustar a contextos diversos é, certamente, uma história fantástica, é, afirmo-o sem hesitações, um manual de saberes relevantíssimos, merecedores de leitura. As invenções que foram geradas, como a válvula dupla de escape ou a torneira silenciosa são expressões de uma rara capacidade de criação de soluções e desenvolvimentos com impacto na a firmação e negócios da empresa”.
A OLI chega aos 65 anos com a posição de líder ibérica na produção de autoclismos, uma relevante dimensão internacional (presente em 80 países dos 5 continentes), uma elevada fasquia de produção (2 milhões de autoclismos e 2,8 milhões mecanismos anuais) e o estatuto de empresa inovadora.

Sobre a OLI:

A OLI, a maior produtora de autoclismos da Europa do Sul, encontra-se sediada em Aveiro. Exporta 80% da produção para 80 países dos cinco continentes. Em 2018, registou um volume de negócios de 56,3 milhões de euros. A empresa integra 401 colaboradores em Portugal. A fábrica trabalha ininterruptamente 24 horas por dia, sete dias por semana, e tem uma produção anual de 1,9 milhões de autoclismos e 2,8 milhões mecanismos. É a única empresa portuguesa a produzir autoclismos interiores.

 

 

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close