Economia

A economia azul e a sustentabilidade como fatores de decisão para o futuro

Conferência reúne líderes políticos e académicos nacionais e estrangeiros no FIGaia 2019

A conferência «Plataforma Azul – a nova economia» leva ao Auditório do Centro Paroquial de Mafamude, na próxima sexta-feira (20 de Setembro), entre as 10 e as 17 horas, diversos líderes políticos e académicos nacionais e estrangeiros para debater a sustentabilidade do uso dos oceanos e a economia azul numa perspetiva global. Promovida pelo semanário «Plataforma de Macau», a iniciativa procura aprofundar a discussão à volta da economia azul, da sustentabilidade, das energias alternativas, entre outras temáticas que estão hoje no centro estratégico dos Países de Língua
Em mais uma conferência realizada no âmbito do Fórum Internacional de Gaia – FIGaia 2019, Macau assume-se como a porta da Grande Baía para os Países de Língua Portuguesa, destacando-se a relação com Portugal, que passa não só pelo desenvolvimento e reforço da cooperação, mas também pela participação no projeto da Grande Baía.
«Plataforma Azul – por uma rede de cidades e regiões» é o tema do painel da manhã, que coloca Eduardo Vítor Rodrigues, presidente da Câmara Municipal de Gaia, Rafael Gama, assessor do secretário para os Assuntos Sociais e Culturais da Região Administrativa Especial de Macau, Filipe Porteiro, diretor Regional dos Assuntos do Mar do Governo Regional dos Açores, Maria Cruz Ferreira Costa, directora-geral de Qualidade Ambiental e Alteração Climática da Junta da Galiza e Jorge Freire, assessor da vereadora do Ambiente da Câmara Municipal de Cascais em debate, com moderação de Mike Weber, diretor da Estação Litoral da Aguda.
O painel da tarde, dedicado ao tema «Oceanos e Sustentabilidade – oportunidades e desafios», reúne o contra-almirante Carlos Ventura Soares, diretor do Programa de Captação da Fundação Oceano Azul, Vítor Vasconcelos, presidente do Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental da Universidade do Porto (CIIMAR), João Gonçalves, diretor do Centro de Investigação Oceanos da Universidade dos Açores, Alfredo Rocha, diretor do Curso Licenciatura em Meteorologia, Oceanografia e Geofísica da Universidade de Aveiro, Shi Shuxian, investigadora da Universidade da Cidade de Macau, e Hu Zhiyong, professor do Instituto de Estudos Internacionais da Academia de Ciências Sociais de Xangai, para uma discussão com vista à cooperação, moderada por Miguel Herédia, diretor do Programa de Capacitação da Fundação Oceano Azul.
Dedicadas à sustentabilidade e à economia azul, as conferências Plataforma Azul tiveram início em Macau no passado mês de Julho; chegam agora a Vila Nova de Gaia e seguirão, depois, para a Região Autónoma dos Açores. Este projeto do semanário «Plataforma de Macau», lançado no final de junho, traduz a expansão daquela publicação para a área da responsabilidade social, promovendo o debate da sustentabilidade e da importância do envolvimento da Grande Baía, com recursos hídricos muito relevantes, no contexto da economia azul.

 

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close