Cultura

Concerto intimista no Mercado Municipal propõe viagem pelo fado e ritmos brasileiros

O Mercado Municipal de Santa Maria da Feira, obra do conceituado arquiteto Fernando Távora, vai ser palco de um concerto intimista de Cristina Clara, no dia 4 de setembro, às 21h00, que junta fado e ritmos brasileiros. O espetáculo, integrado no ciclo de concertos “Sons no Património” da Área Metropolitana do Porto, faz parte da programação cultural “Artes em Itinerância”, que até dezembro continua a estabelecer pontes entre a cultura, o património e as gentes de todo o território.

Cristina Clara apresenta em Santa Maria da Feira um concerto que espelha bem a sua identidade e o carácter viajante da sua música. De norte a sul de Portugal, com forte influência da canção tradicional, o seu repertório incorpora também outras sonoridades, muito particularmente do chorinho brasileiro e da morna cabo-verdiana, pelas afinidades que têm entre si.

Além de temas revisitados, a artista – acompanhada por Luís Coelho na guitarra portuguesa, Pedro Loch na guitarra clássica e Elena La Conte na flauta transversal – apresentará ainda alguns dos temas que farão parte do seu disco de estreia, que sairá em setembro.

Enfermeira de profissão, Cristina Clara cedo se fascinou pelo ambiente quase ritualístico das casas de fado, pelas suas estórias e pelo protagonismo dado à palavra neste género musical. Bairro Alto e Alfama tornaram-se bairros do coração, cenário privilegiado de encontros inspiradores.

Poetas, músicos e compositores predominantemente lusófonos – portugueses, cabo-verdianos e brasileiros – vieram a tornar-se parceiros de navegação, influências muito presentes na identidade artística da cantora. O espetáculo de Cristina Clara no Mercado Municipal de Santa Maria da Feira, integra o ciclo “Sons no Património”, que está de regresso com concertos intimistas em lugares icónicos do património cultural dos 17 municípios da AMP, e faz parte da programação “Artes em Itinerância”.

Recorde-se que esta edição do projeto municipal de descentralização cultural “Artes em Itinerância” iniciou em junho e estende-se até dezembro, proporcionando aos residentes e visitantes, de 17 freguesias do concelho, atividades culturais de diferentes disciplinas artísticas, como música, visitas encenadas, teatro, documentário e cinema.

O programa completo encontra-se disponível em 

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close