EconomiaVideos

Vídeo: Onda de assaltos às lojas Cavalinho com prejuízos de milhares de euros

Uma rede criminosa assaltou 64 lojas de malas Cavalinho nas últimas semanas. Nos vários casos, os assaltantes partiram as montras em vidro dos estabelecimentos, em Santa Maria da Feira e Famalicão. “Os prejuízos são avultados Está a tornar-se atroz. Para nós, para os nossos clientes. Não estamos a dormir descansados. É o prejuízo, o trastorno”, disse o dono da marca Cavalinho,

 

Os produtos furtados são vendidos na Internet. A administração da marca pede uma equipa especial que junte  GNR e PSP na investigação do caso. Manuel Jacinto, salienta que se aproxima o Natal e que, por isso, os assaltos representam um prejuízo “elevado”  para a loja. “Os prejuízos são já de milhares de euros. Os cerca de 64 assaltos a lojas que vendem artigos desta marca de São Paio de Oleiros  “criaram medo e revolta nos lojistas”, disse Manuel Jacinto.
Um dos muitos e mais recentes assaltos  aconteceu pelas 03h00 em Famalicão. Os ladrões partiram a montra com recurso a uma pedra. Levaram desta loja cerca de três mil euros em malas da marca Cavalinho. Já em Lousada, o alarme soou pelas 04h30. Neste caso, os assaltantes utilizaram o carro em que circulavam para partir o vidro da montra. O prejuízo é de 15 mil euros.
Os assaltantes escolhem a mais recente coleção. Nós não sabemos o que podemos fazer. Os assaltos acontecem, e as autoridades pouco ou nada conseguem fazer”.
Há gravações de câmara de vigilância, Ficou tudo gravado, por volta das 3h30, e carrega as malas de luzo. Sempre â vontade . Milhares de euros em prejuízos. E até ao momento foi um casal detido por alegado, envolvimento, nestes assaltos.
Todo este cenário acontece após a marca ter mostrado interesse em crescer, com a possível abertura em lojas no mercado Internacional.
Manuel Jacinto a salienta a capacidade de resistência da sua firma. Não escondeu que os três meses de confinamento, a partir de março, que implicaram uma paragem na produção, foram inevitavelmente prejudiciais, mas sublinhou que tem sido possível enfrentar, com sucesso, a tormenta.
A marca 100 por cento nacional, a Cavalinho nasceu em 1975, tendo-se afirmado pelo design contemporâneo e o fabrico artesanal de coleções femininas e masculinas de carteiras, bolsas, acessórios e calçado. Tem-se mantido no topo por juntar a inovação à tradição.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close