Desporto

FC Porto conquista pela 21.ª vez Supertaça Cândido de Oliveira

FC Porto derrotou o Desportivo das Aves (3-1), ontem, dia 4,  no Estádio Municipal de Aveiro.
O FC Porto entrou bem no jogo com Aboubakar a rematar para uma grande defesa de QuentinBeunardeau, após combinação com André Pereira. Mas rapidamente o D. Aves colocou os dragões em sentido, marcando o primeiro golo da partidaaos 14’,após alguma confusão, uma bola perdida e um ressalto no arbitro Luís Godinho a bola sobra para Cláudio Falcão que disfere um potente remate, batendo IkerCasillas.
O golo foi uma espécie de alarme para os dragões e Brahimi aos 25’ após combinação com Aboubakar inventou o golo do empate.
A mudança de estratégia do FC porto produzia efeitos práticos que apesar da substituição de Brahimi por lesão o FC Porto continua a subir de rendimento, mas nem assim o D.Aves deixou de criar perigo junto da área dos dragões, que até teve uma grande oportunidade de golo por Derley.
A segunda parte já mostrou um FC Porto mais à imagem da equipa campeã, com mais acerto defensivo e uma maior capacidade de ir para cima do adversário, surgindo naturalmente a primeira oportunidade da segunda parte aos 55’ por Otávio, o brasileiro remata para golo ao segundo poste, mas Beunardeau para o remate.
Ao minuto 58’ o FC Porto reclama veemente uma falta de Jorge Filipe sobre Herrera e consequente grande penalidade o que leva à expulsão de Sérgio Conceição do banco de suplentes.
Já na bancada, Sérgio Conceição vê a sua equipa a marcar o segundo golo aos 67’ através de Maxi Pereira, após uma combinação entre Corona e Otávio, Maxi atira pelo meio das pernas do guardião do aves.
Os dragões passam a jogar em 4x3x3 com a entrada de Oliver Torres,que deu o passe para o terceiro golo, marcado por Jesús Corona aos 84’em posição frontal disfere um potente remate de pé direito que só parou no fundo da baliza.
Terminado o jogo, o FC Porto quebra o jejum de quatro anos sem vencer o troféu e Sérgio Conceição é o 30.º treinador, o 19.º português, a conquistar o troféu, o segundo como treinador que foi o primeiro da carreira de jogador.

Texto e Fotografia: Victor Sousa

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close