Desporto

FC Porto regressa às vitórias

O FC Porto venceu ontem na receção ao Moreirense por 3-0, em jogo da quarta jornada da I Liga de futebol. O resultado da partida deixa os dragões no quarto posto da classificação.
Ivo Vieira, treinador do Moreirense tinha dito na antevisão do jogo que não estava no dragão para defender e muito menos fazer anti-jogo, a equipa de Moreira de Cónegos manteve-se fiel aos seus princípios de jogo e tiveram alguns bons momentos, mesmo sem criar grandes oportunidades.
Ivo Vieira deixou no fim do jogo rasgados elogios ao comportamento dos seus jogadores, afirmando que a sua equipa tentou jogar um futebol positivo.
Quanto a Sérgio Conceição realçou a importância da vitória, como resposta à derrota da jornada passada, frente ao Vitória de Guimarães.
Afirmando que os Dragões entraram fortes na partida, decididos a resolver o jogo e conseguiram fazer dois golos frente a uma equipa que quis discutir o jogo e que joga muito bem.
O treinador dos Dragões também admitiu que a exibição da sua equipa teve altos e baixos.
Os dragões entraram fortes na partida a pressionar o adversário, logo aso 9’ Vicent Aboubakar sofre uma alegada falta de Loum e cai na área com o arbitro da partida Hélder Malheiro a assinalar grande penalidade, acabando mais tarde por receber indicações do vídeo-árbitro e após visionamento do lance ordenou marcação de pontapé de canto.
Aos 15’ os dragões adiantaram-se no marcador por intermedio de Hector Herrera que surgiu sozinho na área após um canto de Alex Telles e desvio de Éder Militão, rematando com sucesso para o primeiro golo da equipa da casa. O juiz da partida ainda consultou o vídeo-árbitro por alegada mão de Herrera, mas acabou por validar o golo e o Dragão respirou de alívio.
A equipa visitante ainda tentou responder à desvantagem com um ou outro lance de relativo perigo, mas a defesa dos dragões com Militão e Filipe no seu eixo chegava para as encomendas, na frente o domínio do FC Porto era avassalador e aos 28’ o FC Porto volta a marcar numa jogada de perfeito entendimento entre Octávio e Marega que levou o avançado Maliano a atirar ao poste e Aboubakar na recarga faz o 2-0.
No segundo tempo o Porto teve momentos de alguma apatia, mas muita competência defensiva, em que valeram Militão e Casillas impedindo o Moreirense de marcar e despertar alguns fantasmas de jornadas passadas.
O FC Porto manteve-se seguro e dinâmico como Sérgio pediu nas várias conferências de imprensa ao longo da semana, tirar o pé do acelerador era absolutamente proibido!
Aos 90’ surge o 3-0, que veio coroar a exibição do FC Porto e a atitude Moussa Marega que foi inexcedível durante todo o jogo, mostrando a nação portista que esta totalmente recuperado e preparado!
O jogo teve 3 incidências de assinalar, estreia de Éder Militão (com uma excelente exibição), regresso de Danilo Pereira, após 5 meses de ausência dos relvados e o regresso de Moussa Marega aos golos e aos sorrisos.

Texto e Fotografia: AIN / Victor Sousa

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close