Destaque

Bombeiros Sapadores receberam “super veículo” de 10 metros nos 242 anos da corporação

Os Bombeiros Sapadores de Viana do Castelo assinalaram ontem 242 anos de existência e receberam de prenda um “super veículo” de 10 metros de comprimento. O veículo tanque com capacidade para 16 mil litros de água está preparado para apoio a incêndios industriais e urbanos, em edifícios e estruturas, tendo representando um investimento de 200 mil euros.

O aniversário da corporação vianense com 66 bombeiros serviu, assim, para apresentar o novo veículo tanque tático urbano, que irá apoiar o combate a incêndios industriais e urbanos, tendo ainda capacidade de entrar em espaço florestal.

Correspondendo a um 4×8, tem quatro eixos, dois motrizes e dois direcionais, o que permite também acorrer a um incêndio periurbano, nas áreas florestais e na proteção de aglomerados populacionais. A viatura conta ainda com uma bomba em aço inox que permite abastecer depósitos de freguesias de montanha, quando acontecer alguma falha de água.

O Presidente da Câmara Municipal, Luís Nobre, elogiou “a grande instituição” ao serviço de Viana do Castelo e dos munícipes vianenses. “Um aniversário é sempre motivo de celebração, mas há momentos e aniversários que são especiais, como é o caso deste. A alma desta corporação determina a diferença. O comandante dá o seu melhor para chefiar este grande grupo e sente-o de forma particular, nomeadamente quando recua e interpreta a história desta organização”, indicou o edil.

“Se eu vinha para aqui com a certeza e orgulho do que é a história e o presente deste grupo de trabalho, saio daqui muito mais tranquilo em nome dos vianenses e das instituições. Estamos reconhecidos, em nome do município, pelo que é o vosso trabalho e a vossa disponibilidade para darem resposta ao presente e perspetivarem o futuro”, reforçou o edil.

O comandante António Cruz indicou que o novo veículo “é um orgulho para os bombeiros, para Viana e para todo o distrito”, propondo que este seja o primeiro carro a levar o emblema dos Federação dos Bombeiros do Distrito de Viana do Castelo, recentemente criado, já que irá apoiar todo o Alto Minho. “Este veículo é uma necessidade que tínhamos, que vem substituir um veículo de 1984, com 38 anos de idade e que já deu o que tinha a dar, mas que esperamos que nos consiga apoiar durante mais um Verão”, assegurou.

Os Bombeiros Sapadores de Viana do Castelo, com a designação original de Companhia da Bomba, foram fundados a 22 de março de 1780. São o terceiro mais antigo corpo de bombeiros do país, logo a seguir aos Sapadores de Lisboa e Porto.

A corporação de soldados da paz tem como função e objetivo principal o salvamento e proteção de pessoas e bens, tendo como área de atuação o município vianense. No entanto, entra em campo sempre que solicitada pela estrutura da Autoridade Nacional de Proteção Civil. Dispõe de veículos de combate a incêndios, veículos tanque, um veículo autoescada com trinta metros, ambulâncias de socorro, viaturas de socorro e assistência estratégica, veículo de comando, veículo de apoio a mergulhadores, veículos de apoio diverso e bote de socorro e resgate.

Em termos de capacidade intervenção, os Bombeiros Sapadores de Viana do Castelo estão preparados para combate a incêndios, desobstrução e desencarceramento, matérias perigosas, salvamento em grande escala, ambiente subaquático e mergulho e ambientes de condições atmosféricas e anticorte.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close